Com os Relacionamentos Anteriores Aprendi

  • Ouvir as músicas separadamente. Prestar atenção na voz, no solo da guitarra, no baixo, na bateria. Depois, mesclá-los para avaliar se a música é boa ou não.
  • Como se deve ligar o carro. E como se deve fazer para sair de uma garagem com declive, sem fazer com que o carro caia. Também aprendi a parar o carro sem usar o freio, só diminuindo a marcha (caso o freio falhe).
  • Que o navio sai solteiro e volta casado. Que as bóias servem para orientar por onde o navio deve ir, onde há buracos e montantes de areia…
  • Para que servem os cartões num jogo de futebol. O que era o impedimento.
  • Ser humilde é ser incrível – na verdade só sei a teoria, na prática é bem mais difícil.
  • Não é importante estar certo, o importante é ser feliz – e outros clichês.
  • Uma pessoa pode ser inteligentíssima mesmo sem ter tanta cultura.
  • Você pode ser interessante só por ser ousada e por saber quem é o marido da Mariah Carey.
  • Que você não pode competir com Seinfield (ou qualquer outra coisa) se essa paixão já era mais velha do que você.
  • Abrir garrafa usando a mesa.
  • Sempre andar de tênis em cidades perigosas. Por questão de segurança. Ajuda a correr.
  • Às vezes é preciso não estar mais namorando pra perceber que é amor mesmo…

Aprendi até mais coisa que nem me lembro agora, mas todas as vezes que eu faço uma das coisas acima, queridos, acreditem, eu me lembro de quando me ensinaram.

É por isso que guardo vocês no meu coração.

Sempre.

Advertisements

5 pensamentos sobre “Com os Relacionamentos Anteriores Aprendi

  1. Cada pessoa que passa em nossa vida nos ensina e acrescenta um pouco, né? Basta estarmos dispostos a aprender, a crescer…
    Boa semana,
    Beijos

  2. Que lindo post, Jazz!

    Eu aprendi que uma vida sem amor não é digna de ser vivida! Aprendi que podemos amar quantas vezes que a nossa vontade de amar permitir…

  3. Sabe de uma coisa, vou parar com a hipocrisia comigo mesmo, linda:

    Eu não tenho gostado nada, nada em ter aprendido muito, ter me tornado uma pessoa melhor por conta de um relacionamento anterior.

    Sabe por quê? Porque quando isso acontecia sem que eu percebesse era bom, lembrava com doçura e se ia com o vento.

    Hoje lembro com dor, tristeza, remorso, paixão e amor.

    O último ponto é onde está toda a verdade do texto. Talvez pra perceber que era muito maior do que nos achávamos.

    Beijocas!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s