Eu te amo (desde que…)

Condicional.

Eu te amo, desde que…

  • ele continue sendo fiel a mim e me dando prazer;
  • ela não minta pra mim ou me faça de boba;
  • você não me passe pra trás por causa de dinheiro;
  • continues sendo medíocre e eu possa me gabar de estar sempre à sua frente;
  • ela não roube o meu namorado;
  • ele não me traia;

Já reparou como o amor é condicional hoje em dia? As pessoas amam, DESDE QUE continuem assim… e pessoas vivem mudando e os amores vão se adaptando – ou não!

“Eu te amo, desde que você queira estar comigo tanto quanto eu quero estar com você”.

Não é assim, gente. Isso não é amor, isso é contrato. O amar é o estar sinceramente feliz quando a outra pessoa também está. Perto ou longe de você. Você sentindo falta ou não… Quando você sente o quanto te dói se o teu ex-namorado está feliz com outra, daí você vê o tamanho do egoísmo do seu “amor”. Não era amor, era posse.

Amar é querer bem. Sem mais. Amar não tem nada a ver com a gente mesmo, tem a ver com o outro. O amor é caridade. O amor é altruísta. O amor é incondicional.

Eu sei, é um doce te amar,
O amargo é querer-te pra mim…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s