Ser o Caminho

Eu brincando de ser emotiva, no fundo sou pragmática. É por isso que não temo em deixar coisas (e pessoas) para trás.

O amor é divertido. Quem traz sofrimento é o apego. Apego é inevitável porque o ego existe, ele está lá. Porém, quanto mais consciente sobre sua existência, menos importância lhe damos.

Praticar o amor. Matar o ego.
Estar consciente. Prestar a atenção.

A vida é curta para remoer. Paradoxalmente, o caminho é longo.

Por isso é importante render-se ao método, porque o objetivo é consequência. Enquanto eu não me tornar o próprio modo, a meta não será alcançada.

Um pensamento sobre “Ser o Caminho

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s