Carta ao Papai Noel vs. 2012

Querido Papai Noel,

Primeiramente, muito obrigada por toda a sorte concedida em 2012. Sorte de ter tido saúde suficiente para trabalhar, ajudar em casa, manter meus luxos. Obrigada por ter conhecido pessoas incríveis que compartilharam momentos inesquecíveis deste ano que foi tão bom pra mim.

Obrigada também por ter mantido meus verdadeiros amigos por perto e pelo afastamento daqueles que me sugavam a energia.

Obrigada por ter-me dado força para lutar contra meus próprios medos, concedendo-me coragem suficiente para enfrentá-los. Por me trazer equilíbrio nos momentos em que tremi na base. Por ter lembrado de respirar fundo e conscientemente antes de explodir.

E, por favor, desculpe-me pelos momentos em que não mantive a calma, ou nos que pensei mais em mim e larguei o altruísmo. Ainda sou escrava do ego, muitas vezes, principalmente naquelas em que me sinto insegura. Neste ano, quero mais forças neste aspecto: que minha autoconfiança cresça a cada dia.

É tudo o que peço além de saúde para continuar correndo atrás dos meus sonhos.

Obrigada por tudo (e pela bicicleta-surpresa!).

Carta ao Papai Noel vs. 2012

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s