O Homem que Eu Procurava

Quando eu era criança, eu costumava sonhar com o Príncipe Encantado que dançaria valsa comigo nos meus quinze anos e me daria o primeiro beijo nesse festa, ainda durante a valsa. Sempre fui de ler muito e tudo remetia mesmo à ideia do príncipe encantado que te liberta de todas as mazelas de dentro de casa. Rapunzel, Cinderela… eu meio que me via ali.

Daí eu cresci e comecei a sonhar com o pais dos meus filhos. Aquele sujeito feliz, decidido e forte o suficiente para carregar um bebê e sacolas, que conserta tudo em casa e ainda me protegeria fora dela.

O Homem que eu Procurava

Depois dos trinta, na faculdade de medicina, você aprende que sua gravidez será de médio risco, somente porque será uma “primigesta idosa”. E o fato de as amigas terem filhos (e na vida que elas levam, a maioria que cresce sem pai) me afasta muito da ideia de maternidade. Acho que só vou querer ter um filho se, um dia, encontrar um “pai disposto” a ser aquele do parágrafo anterior. Feliz com sua própria vida, realizado que queira agora DIVIDIR TAREFAS na criação dos pimpolhos.

E hoje, sem namorado eu vejo que essas coisas de família-própria estão bem longe. Hoje em dia está cada vez mais difícil render-se a algum sentimento por simples medo de não recebê-lo de volta. Os relacionamentos “amorosos” viraram uma negociação, uma compra e venda. Você só demonstra se o outro demonstrar. Você se poda para não espantar o outro. Você quer que a pessoa fique um pouco mais, mas o que é que ela vai pensar se eu pedir pra ela ficar?

Ah… falta mais espontaneidade nesses relacionamentos. Falta mais o ‘querer andar junto e de mãos dadas’, sem um precisar correr atrás do outro. Sem virar uma competição de quem está por cima ou por baixo, quando o legal mesmo é intercalar, aproveitar todas as posições😉.

Enquanto isso a gente vai levando com a Doce Solidão que nos acompanha, da qual fugimos, mas que sempre nos encontra. Afinal, parece que é só com ela que o pra sempre não acaba.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s